Status do embrião humano: fundamentação filosófica. Uma reflexão através da fenomenologia

Maria Emilia de Oliveira Schpallir Silva

Resumen


Diante da dificuldade em se afirmar em que momento da ontogênese se dá a personalização, buscouse, a partir da reflexão filosófica, definir a natureza do embrião humano no que diz respeito à sua individualidade, utilizando-se como ferramenta a fenomenologia a partir de reflexões de Bourghet e Merleau-Ponty sobre o embrião. Embora a constatação de sua individualidade não comporte per si um conteúdo ético, sob o ponto de vista de uma ética de responsabilidade, é um dado relevante para a reflexão bioética sobre a partir de que momento da ontogênese deve-se (dever ético) proteger a vida humana.


Palabras clave


embrião; humano; bioética; filosofia; fenomenologia

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))

Referencias


Bourguet, V. (2002). O ser em gestação: reflexões éticas sobre o embrião humano. Rio de Janeiro: Loyola, 253.

Fernandes, M. A. (2011). A clareira do ser: da fenomenologia da intencionalidade à Abertura da Existência. Rio de Janeiro: Daimon, 310.

Ferraz, M. S. A. (2008). Fenomenologia e ontologia em Merleau-Ponty. (Tese doutorado). Universidade de São

Paulo, São Paulo. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-08072008-145806/pt-br.php

Ferreira, E. C. (2008). A constituição de objetos na fenomenologia de Husserl. Em T. S. Ricardo, F. O. Nythamar, Fenomenologia hoje III: Bioética, Biotecnologia, Biopolítica (pp. 201-215). Porto Alegre: EdiPUCRS.

Maturana, H., e Garcia, F. J. V. (1997). De máquinas e homens (3ª ed.). Porto Alegre: Artes Médicas, 138.

Merleau-Ponty, M. (2006). A Natureza. São Paulo: Martins Fontes, 454.

Pegoraro, O. (2007). A lagarta, a semente e o Supremo. Bioethikos-Centro Universitário São Camilo, 1 (2) 11-113.

Pegoraro, O. (2008). Problemas de ética e bioética. Horizonte, 6 (12) 183-197.

Silva, R. P. (2002). Bioética e biodireito: as implicações de um reencontro. Acta Bioethica, VIII (2). Disponível em: http://www.scielo.cl/pdf/abioeth/v8n2/art04.pdf




DOI: https://doi.org/10.14422/rib.i05.y2017.008

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Licencia de Creative Commons
Revista Iberoamericana de Bioética (ISSN 2529-9573) editada por Universidad Pontificia Comillas se encuentra bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-SinObraDerivada 4.0 Internacional
 

Revista Iberoamericana de Bioética

Universidad Pontificia Comillas

Universidad de Comillas, 3-5 - 28049 Madrid